Já temos ou não um corpo espiritual pronto?

                

   Srila Jiva Gosvamipada, que é um dos seis Gosvamis, afirmou que as jivas estão realizando sadhana-bhajana aqui neste mundo. Enquanto isso, nos planetas Vaikuntha - ou seja, Vaikuntha , Ayodhya , Dvaraka , Mathura e Goloka Vrndavana , existem alguns parsadas, associados de Bhagavan , que vêm de Seu esplendor, estão em uma posição latente ou dormente. Quando a jiva se torna perfeita , realizando sadhana- bhajana, ele obtém qualquer um desses corpos associados. Esta é um aspecto. Por outro lado, aparentemente diferente de Srila Jiva Gosvamipada, estão Visvanatha Cakravarti Thakura, Srila Bhaktivinoda Thakura, Srila Baladeva Vidyabhusana, Srila Rupa Gosvamipada , e todos os nossos acaryas até os dias atuais. Eles estão dizendo que a jiva já tem uma forma constitucional, o seu próprio corpo espiritual, juntamente com as suas qualidades e serviços transcendentais, mas agora seu corpo espiritual é não-manifesto , ou em uma posição latente. À medida que a potência de uma árvore inteira, juntamente com as suas folhas, flores, frutos está presente na sua semente, tudo está presente na alma, mas na forma de semente. Desta forma, parece que Srila Jiva Gosvamipada está de um lado e os outros acaryas até o nosso presente guru-varga, estão do outro lado. Parece que ambas as ideias são bastante opostas. Como podemos conciliar essa aparente contradição ? Na verdade, esses dois pontos de vista não são contraditórios no todo. Estamos a julgar do nosso ponto de vista mundano, do ponto de vista da nossa consciência material, e portanto, nós não entendemos. Do ponto de vista da nossa guru- varga, não há contradição em tudo, por isso vou tentar expressar o que eu ouvi de Srila Gurudeva.

    Em seu comentário de Sri Siksastakam, primeiro sloka , Srila Bhaktivinoda Thakura escreve:

   "Haja toda a vitória para o cantar do santo nome do Senhor Krishna, que limpa o espelho do coração e finda as misérias do fogo ardente da existência material. Esse canto é a lua crescente que infunde o lótus branco da boa fortuna para todas as entidades vivas a florescer. Ele é a vida e a alma de todo o conhecimento transcendental. Cantando o santo nome de Krsna se expande o oceano feliz da vida transcendental. Ele dá um efeito refrescante para o corpo e a alma, bem como, permite se provar o néctar completo a cada passo ". ( Caitanya- Caritamrta Antya lila 20.12 ).

    Neste verso, sete estágios de bhakti são explicados. Ceto - darpana - marjanam contém sraddha , bhava- maha- davagni - nirvapanam contém sadhu -sanga , bhajana - kriya e anartha nivriti , sreyah - kairava - candrika - vitaranam contém nistha (fé firme), e as linhas subsequentes contêm as fases subsequentes até prema. Cada fase é explicado em cada linha. Purnamrta asvadanam vem no estágio de bhava , e Srila Bhaktivinoda Thakura discute isso em seu comentário de Sri Siksastakam . Ele escreve que de acordo com a forma constitucional do sadhaka até gopika deha (o corpo de uma Gopi), que determinado corpo se manifesta no estágio de bhava-bhakti. Gopika deha eva prakatayeti. Para aqueles que têm dasya bhava ( o humor de um servo ) em seus corações, a sua relação de servo e senhor vai se manifestar quando o estágio de bhava despertar. Para aqueles que têm um relacionamento amigável com Krsna em sua posição constitucional dormente, essa relação vai se manifestar; para aqueles em um relacionamento parental em sua forma latente constitucional, a forma irá se manifestar, e para aqueles que têm um humor de amante, a relação se manifestará. Tudo que está em uma posição latente neste momento, o tipo de corpo espiritual irá se manifestar na fase de bhava . Vidyabhusana Srila Baladeva Prabhu, Srila Visvanatha Cakravarti Thakura e outros, têm explicado essa mesma verdade.

   Aparentemente contraditório com isso, Srila Jiva Gosvamipada afirmou que há corpos espirituais nos planetas Vaikuntha à espera de ser ocupado pelos seres vivos liberados. Estes corpos espirituais se manifestaram desde o esplendor de Bhagavan. Quando jivas fazem bhajana e tornam-se perfeitos, será premiado com um corpo de lá. A jiva e o corpo se combinam. Vimos na história de Sri Narada Rsi:

   "Depois de ter sido premiado com um corpo transcendental condizente com a de um associado da Personalidade de Deus, deixei o corpo feito de cinco elementos materiais e, portanto, todos os resultados lucrativos adquiridos de trabalho [karma] parou." (Srimad-Bhagavatam 1.6.28). Como conciliar isso?

   "Uma pessoa que desiste de todas as atividades fruitivas e oferece-se inteiramente a Mim, ansiosamente desejando prestar serviço a Mim, alcança a liberação do nascimento e morte e é promovido ao status de compartilhar Minhas próprias opulências.” (SB 11.29.34). Também é afirmado no Sri Caitanya-caritamrta:

  "De acordo com seu karma , todos os seres vivos estão vagando por todo o universo. Alguns deles estão sendo elevados aos sistemas planetários superiores, e alguns estão indo para dentro dos sistemas planetários inferiores. Dentre as muito milhões de errantes entidades vivas , uma que é muito afortunada tem a oportunidade de associar-se com um mestre espiritual fidedigno pela graça de Krsna. Pela misericórdia de Krsna e do mestre espiritual , essa pessoa recebe a semente da trepadeira do serviço devocional. " ( Caitanya- Caritamrta , Madhya 19,151 ).

    As entidades vivas estão vagando ao longo de muitos brahmandas ( universos). Pela misericórdia sem causa de Sri Guru e Krsna, a jiva afortunada recebe a semente de bhakti, chamada de bhakti-lata, o desejo de servir a Sri Krsna. A palavra guru-krsna tem dois significados. Um significado é Sri Gurudeva e Sri Krishna, e um segundo significado é que Sri Guru é Krsna. Há duas características de Krsna - visaya Krsna e asraya Krsna. Visaya Krsna é Bhagavan e asraya Krsna é Gurudeva. Às vezes é mencionado no sastra que é pela misericórdia sem causa de Sri Gurudeva que podemos obter a bhakti-lata-bija, e às vezes é mencionado que é pela misericórdia sem causa combinada de Sri Gurudeva e visaya Bhagavan que podemos obter essa bhakti-lata-bija .

   Quando fazemos sadhana-bhajana, gradualmente avançamos em bhakti, e então alcançaremos bhavavastha, o estágio de bhava-bhakti. Os sintomas de bhavavastha são:

   "Quando o serviço devocional é executado na plataforma transcendental da bondade pura é como um raio de sol de amor por Krsna. Nesse momento, o serviço devocional faz com que o coração seja suavizado por vários gostos, e é então, situado em bhava, transcendental emoção." ( Caitanya- Caritamrta, Madhya 23,5).  

    Em bhavavastha, samvit (a potência de conhecimento) e hladini (a potência de prazer ) se combinam na plataforma de sandini ( a potência da existência espiritual). Nesta fase, chamada de fase de bondade pura (suddha-sattva), a essência de sandini e hladini sempre residem nos corações dos associados eternos de Sri Krishna. De lá, ele vai se manifestar em nossos corações pela misericórdia sem causa de Sri Gurudeva e Sri Krishna. Então, vamos conhecer a nossa svarupa (natureza constitucional), mas não antes disso. Antes disso, só podemos imaginar um pouco. De acordo com svarupa da jiva, ele manifestará seu corpo espiritual. Existem muitos tipos de bhagavat parsada (associados de Bhagavan) nos planetas espirituais, e podemos obter um corpo como eles. Podemos entender um pouco isso pelo exemplo de Bharata Maharaja. Ele estava absorto em pensar em seu pequeno cervo perdido, tanto que em seu próximo nascimento ele se tornou um veado. Ele não se tornou o mesmo veado, mas um outro veado. Da mesma forma, pela misericórdia sem causa de Gurudeva e Krsna, quando fazemos sadhana-bhajana aqui neste mundo, podemos gradualmente entender, pelo menos intelectualmente, o que ouvimos deles. Mesmo antes de entrar no palco de bhava, vamos ouvir, de uma forma geral, sobre a identidade do nosso svarupa, e que bhava - dasya, sakhya, vatsalya ou madhurya - iremos seguir. Então, quando bhavavastha despertar, o humor se manifestará. Alguns associados são dasya, alguns são sakhya, alguns são vatsalya, e alguns são madhurya . Quando fazemos bhajana, chegamos gradualmente a um estágio maduro e podemos alcançar o estado de espírito de que associado eterno (que é um oceano personificado do humor) que aspiramos, seja em Vaikuntha, Ayodhya , Dvaraka , Mathura, Goloka ou Vrndavana.

    Este é um dos significados das declarações de Srila Jiva Goswami. Jiva Gosvami também diz que a svarupa da jiva, que está imanifesto ou como semente no estado de vida condicionado da jiva, tem tudo na forma de semente (como a semente de uma árvore tem a árvore inteira nela). Portanto, o planeta em que vivemos, Vaikuntha , Vrndavana , etc, também está lá na alma. Desta forma, o parsada , o corpo espiritual da jiva que está presentemente em posição latente, pode também ser explicado .

   Nosso corpo constitucional é transcendental, mas agora ele está em uma forma não-manifesta. Pela misericórdia sem causa de Sri Guru , nosso forma irá se manifestar em nosso coração - e então nós podemos realizá-la. Algum anubhava (realização) virá na fase de bhava, não antes disso. Neste mundo a nossa língua material não pode expressar os pensamentos transcendentais que queremos explicar, alguma falha é obrigado a estar lá. Aqueles na plataforma transcendental podem entender de forma muito clara , mas devido a nossa absorção no mundo material, não podemos compreender. Quando nos desenvolvemos em sadhana- bhajana podemos entender e perceber tudo. Suddha-sattva irá se manifestar em nosso coração, e vamos entender que a forma transcendental, que está agora em uma posição latente, terá alcançado nosso siddha-svarupa . Isso é chamado de prayujya mane. Portanto, temos de realizar sadhana e orar, e quando Deus está satisfeito conosco, então entemos.
    
  Podemos entender algo por ouvir o exemplo de Mãe Yasoda :

  "Por causa do trabalho duro de mãe Yasoda, todo o seu corpo ficou coberto de suor, e as flores e pentes estavam caindo de seu cabelo. Quando o bebê Krsna viu sua mãe, assim cansada, Ele tornou-se misericordioso com ela e concordou em ser amarrado." (Srimad-Bhagavatam 10.9.18). Mãe Yasoda estava tentando amarrar Krsna, e quando Ele viu o empenho e o trabalho duro dela, Seu coração derreteu. Da mesma forma, nós temos que fazer sadhana-bhajana sob a orientação do Guru e Vaisnavas. Quando eles veem que nós queremos só isso e nada mais, asa oi dasye vrsabhanujaya, eles vão conceder sua misericórdia imotivada sobre nós.



Aula de Sripad Madhava Maharaja.