Sri Balarama e as gopis.

   As gopis que desfrutaram aventuras conjugais com Sri Balarama durante Sua visita a Gokula não haviam participado da rasa de Sri Krsna, por serem jovens demais na ocasião. Elas eram diferentes daquelas com quem Krsna desfrutava.
 
  Srila Visvanatha Cakravarti explica que os passatempos conjugais de Balarama aconteceram numa floresta perto do Yamuna, num lugar conhecido com Srirama-gatta, que fica longe do local da dança da rasa de Sri Krsna. Sri Balarama estava fascinado com os encantadores passatempos das belas jovens de Vraja. Assim, cada noite era uma experiência totalmente nova, e todas as noites passaram-se com se fossem uma única noite.