Como libertar-nos do cativeiro material?

      O primeiro ponto é que precisamos saber que a alma é diferente do corpo. O corpo está mudando a cada momento, mas a alma é fixa. Quem entende a posição fixa da alma não deve deixar-se perturbar pelo fluxo  e refluxo das interações  dos modos  da natureza material  sob a forma de felicidade e aflição. O Senhor Krishna recomenda que, como a felicidade e a aflição vêm e vão devido à interação dos modos da natureza  no corpo, ninguém deve se deixar perturbar por esses movimentos externos. A entidade viva deve ser sempre indiferente à ação e à reação do corpo externo.
 
 
 
 
 
 
Palavras de Srila Bhaktivedanta Swami Prabhupada