Como devemos ver os diferentes animais, insetos e árvores do Dhama sagrado?


    Srila Sridhar Maharaj: Eles são completamente chinmaya (cheios de conhecimento).  Não se encontram sob cativeiro, mas estão posando em diferentes maneiras. Existem diversos tipos de serviço e eles têm sua plena satisfação em seu próprio plano de serviço.  Assim, eles absorvem os sentimentos internos mais bem aventurados e não desejam qualquer outro. Estão plenamente satisfeitos em sua posição relativa. Em outros rasas também: cada pessoa sente que "O que eu obtive é o melhor. Obtive a melhor posição e não me preocupo em mudar para qualquer outra". Santa-rasa ( neutralidade) também é assim: existem árvores e trepadeiras, areias e tantos animais e pássaros, mas ainda existe uma diferença qualitativa entre eles. Uddhava, o devoto mais elevado de Dwaraka, aspira nascer como uma trepadeira em Vrindavan. Então, existem diferenças qualitativas dentro de santa-rasa. Em Dwaraka também existe santa-rasa; mas, depois de ter obtido um pequeno vislumbre da atmosfera do tipo de serviço executado em Vrindavana, aquele que possui o tipo mais levado de sakhya-rasa em Dwaraka (Udhava) aspira pelo serviço em santa-rasa. Isso mostra que mesmo a coisa mais elevada num lugar em particular tem sua posição relativa dentro da consideração absoluta. Ainda que a posição relativa seja satisfeita ali, o absoluto sempre a ultrapassa; caso contrário, a unidade, a conexão com o todo, seria imediatamente deslocada e desorganizada.