Por que Rupa Goswami escolheu essa região (Ter kadamba)?


   Gurudeva (Srila Naryana Mahraja) costumava dizer: Todos os dias Srimati Radhika tinha que passar por esse local. Aqui perto tem o Nanda ksirak. Srimati Radhika, Lalita, Visaka todas estão vindo. Rupa manjari, Ranga manjari todas estão vindo. Srimati Radhika disse: Não, não irei por sesse caminho. Lalita perguntou: Por que não? Não ligue para ninguém. Quando Lalita está aqui ninguém pode lhe causar nenhum mal. Elas passaram e quando se aproximaram, Krsna estava ordenhando uma vaca. Ele manejou o úbere de tal forma que um esguicho foi direto no rosto de Srimati Radhika. Ela sorriu e baixou a cabeça.

     Enquanto cruzavam essa região, Nanda ksirak, dentro de seu coração Srimati Radhika desejava ver a face de Krsna de novo. Para ver o rosto de Krsna ela criou uma desculpa: quebrou seu mani mala (colar de pérolas) e todas as pérolas caíram. Sob o pretexto de colher às pérolas ela olhava para trás repetidamente, Krsna também a olhava. Então por esse caminho ela costumava ir para Nanda bhavan. Ao chegar ela prestou reverências a mãe Yasoda que disse: Que viva bastante, cerca de cem anos e traga prazer aos meus olhos por vê-la assim. Então Srimati Radhika vai e cozinha. Para ver esses passatempos Rupa Goswami escolheu esse local.
Palavras de Srila Bhaktivedanta Madhava Maharaja em Ter Kadamba (Vrndavana) no parikrama de 2016.